A correia dentada está entre os componentes mais importantes que garantem segurança e o bom funcionamento do veículo. Produzida com material emborrachado e flexível, ela é fixada entre polias e tensores e pode ser vista ao levantar o capô.

Correia dentada nas engrenagens do carro

Contudo por ser um pouco complexo detectar sua necessidade de troca, é preciso ficar atento à quilometragem para substituí-la no tempo ideal para ser surpreendido. Recomenda-se que esse processo seja realizado por um especialista a fim de evitar complicações durante a instalação e mão cause transtornos posteriormente.

motor do carro

Existem alguns indícios que sinalizam que a correia está próxima do fim de sua vida útil e precisa ser substituída:

  • A correia emite um ruído. Geralmente um barulho repetitivo vindo da frente do carro, que ocorre quando a correia foi mal colocada ou está com algum problema;
  • Rachaduras no corpo da correia;
  • Pedaços/dentes de borracha da correia estão faltando;
  • Material acumulando nas ranhuras da correia;
  • Brasão da Correia, nome dado quando a parte traseira da correia fica com uma aparência brilhante pois a trama da correia dentada fica exposta;
  • Desgaste desigual das ranhuras;
  • Contaminação por cascalho ou pó de minério de ferro e outros minerais;
  • Contaminação por Óleo Sintoma: A superfície da correia fica pegajosa e grudenta;

Em geral a troca da correia dentada ou correia sincronizadora é recomendada entre os 50 ou 60 mil quilômetros ou 4 anos, o que ocorrer primeiro. Mesmo que não atinja essa quilometragem é indicado fazer a troca periodicamente, a cada 4 ou 6 anos, devido ao desgaste natural que a peça sofre com a ação do tempo, é indicado verificar o estado da correia a cada 40 mil quilômetros.

Cuide da sua segurança. Mantenha a manutenção do seu carro em dia. Precisou de peças automotivas ou pneus? Você encontra em Hipervarejo.com.br

Confira outras dicas de segurança, manutenção  e prevenção em nosso blog.


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *