Que ela é a queridinha do Brasil, é cheia de histórias e tem 1001 utilidades, todo mundo sabe! Mas você conhece a história da Kombi? A “Velha Senhora” completa 61 anos no país no dia 2 de setembro, quando é comemorado o Dia Nacional da Kombi. O nome vem do termo alemão Kombinationsfahrzeug, que em português significa “veículo combinado” ou “veículo misto de passageiros e cargas”.

Criada em 1947 pela Volkswagen alemã, ela chegou ao Brasil no dia 2 de setembro de 1953, quando a VW iniciou a montagem do carro no país. O modelo era vendido pela Brasmotor, que montava o carro ainda com peças importadas da Alemanha. Em 1957, a primeira Kombi nacional foi produzida na fábrica localizada em São Bernardo do Campo, em São Paulo. A partir dessa data, foram 56 anos de produção sem interrupções – com direito a uma legião de fãs e colecionadores.

Em 2007, o Brasil se transformou no único país do mundo que fabricava a Kombi. Ela só parou de ser fabricada em dezembro de 2013 quando o Conselho Nacional de Trânsito exigiu a presença freios ABS e airbags em todos os veículos nacionais, itens que não eram comportados pelo modelo da Volkswagen.

Primeira Kombi fabricada no Brasil
Primeira Kombi fabricada no Brasil

Pioneira

Ao contrário do que muitos pensam, o primeiro Volkswagen brasileiro não foi o Fusca, mas sim a Kombi. Ela começou a ser produzida em junho de 1957. Apenas dois anos depois, o clássico Fusca começou a ser fabricado em território nacional.

Mil e uma utilidades

Além do modelo clássico – furgão com traseiras de vidro – a Kombi também foi fabricada como picape, com cabine simples ou cabine dupla. A versatilidade do veículo permitiu que ele fosse usado como ambulância, viatura policial e transporte escolar. Atualmente, ela ainda é usada por viajantes como motorhome e como lanchonete móvel nos famosos foodtrucks.

Motorhome Kombi
Motorhome Kombi

Pelo mundo

A Kombi brasileira foi exportada para a Argélia, Argentina, Chile, Peru, México, Nigéria, Venezuela e Uruguai. Além disso, na última remessa produzida no Brasil, uma empresa inglesa importou 99 Kombis para transformá-las em motorhomes.

Conhecida como “Perua” e “Velha Senhora” no Brasil, a Kombi acumula diversos apelidos pelo mundo: Rugbrod na Dinamarca, Barndoor nos EUA, Junakeula na Finlândia, Bulli na Alemanha, Papuga na Polônia e Pão de Forma em Portugal, devido ao seu formato retangular.

Via: Blog Vivendo de Freela
Via: Blog Vivendo de Freela

A volta

Em agosto de 2017, a Volkswagen anunciou que vai produzir a nova Kombi. O carro será elétrico e deve chegar no mercado em 2022. Apesar da modernização do novo modelo, a empresa garantiu que o veículo seguirá a tradição e poderá ser utilizado para levar cargas e passageiros.

Foto: Volkswagen
Foto: Volkswagen
Continue Conectado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial