Economia de combustivel

O preço do combustível é uma das principais reclamações do brasileiro, e não é para menos. Baixa qualidade, mistura de químicos e, principalmente, o preço são os motivos que deixam qualquer um chateado ao notar que precisa ir ao posto.

 

Para te ajudar a diminuir as visitas ao “amigo” frentista, separamos algumas dicas de especialistas que realmente fazem a diferença no consumo do veículo, mas fique atento, certas recomendações necessitam perder velhos hábitos. Confira:

 

1 – Calibre corretamente os pneus

 

Recentemente, nós falamos sobre o assunto. Calibrar os pneus de maneira incorreta, deixando-os muito murchos ou andando com muito peso no carro aumenta o arraste, logo o veículo precisa de mais “fôlego” para sair do lugar.

 

Evitar sobrepeso desnecessário e seguir as recomendações de calibragem do manual do carro são essenciais para não gastar demais.

 

2 – Abastecimento e Gasolina Aditivada

 

A Gasolina Aditivada não exatamente rende mais, só que ela ajuda a cuidar do motor e mantê-lo limpo. Diminuindo o desgaste, é possível aumentar a eficiência e economizar um pouco de combustível.

 

Outra dica é perder a mania de ficar andando na reserva. Com o tempo, os resíduos na gasolina e no álcool vão se acumulando no fundo do tanque, para evitar danos no motor e preservar sua limpeza, deixe o nível acima da metade sempre que possível.

 

3 – Acelere gradativamente

 

Estudos já comprovaram que motoristas irritados gastam mais combustível, isso porque tendem a acelerar de maneira brusca, dando aquelas famosas “esticadas” para ultrapassar qualquer um. Isso é algo totalmente desnecessário, pois além de aumentar o estresse, também eleva o gasto de combustível sem necessidade, acelerando gradativamente você tem o mesmo resultado e mantém o gasto no mínimo.

 

4 – Manutenção em dia

 

Um carro alinhado e balanceado evita um grande esforço do motor para rodar, logo, nunca deixe de cuidar das rodas e suspensão do veículo, pense nisso como um investimento que realmente dá retorno.

 

5 – Marchas e comportamento no trânsito

 

O manual do proprietário do veículo costuma indicar a velocidade e giros ideais para a troca de marchas, respeitar esse momento ideal garante que o seu carro esteja preparado para realizar cada esforço de acordo com o torque.

 

Ligado a isso, o seu comportamento no trânsito também influencia. Reduzir a velocidade antes de uma parada, ao invés de uma freada mais repentina, auxilia na retomada de velocidade. Além disso, ficar costurando entre os carros e ficar acelerando demais para passar no sinal amarelo irá aumentar não só o consumo de combustível, mas também aumenta o risco de acidentes e o nervosismo.

 

6 – Vidros fechados e ar desligado

 

Não estamos falando que você tem que passar calor ou desconforto para economizar, mas é fato que  o ar-condicionado do carro faz você gastar mais combustível, então se a temperatura estiver amena, vale a pena aguentar sem o friozinho do ar.

 

Outro fator relevante é o ganho aerodinâmico que os vidros fechados conferem ao veículo. Isso diminui o arraste e, a longo prazo, faz uma grande diferença no nível de consumo.

 

Essas foram as nossas dicas, e você, tem alguma pra nos passar? Use o campo de comentários e mostre o seu conhecimento! Até a próxima.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial